Você Está
Início > Notícias > Cidade > Animais são abençoados em missa dedicada à São Francisco de Assis

Animais são abençoados em missa dedicada à São Francisco de Assis

Ao entardecer da última terça-feira (3), foi realizada a Santa Missa em honra à São Francisco de Assis, santo protetor da ecologia, dos animais e da vida. A celebração foi presidida pelo padre Roberto Figueroa, e em sua sétima edição teve grande participação de devotos, que levaram seus animais de estimação para serem abençoados.

A celebração ocorreu na Igreja Matriz Nossa Senhora do Rosário, e teve a participação de cerca de 80 animais dentre cães, gatos, coelho e um pássaro, que foi carregado pela sua dona em um dos ombros.

Celebração ocorre desde 2011 em Rosário do Sul. Foto: Renato Moraes / Gazeta de Rosário

Em sua homilia, padre Roberto falou a respeito do Santo que dedicou sua vida para cuidar dos pobres, doentes, necessitados, da natureza e dos animais, que fazem parte do ciclo da vida. Segundo explica a Campanha da Fraternidade 2017, que tem como tema Biomas Brasileiro e a defesa pela vida, São Francisco de Assim convida a todos a terem carinho pelo planeta, pelo meio ambiente, pelos animais e pela natureza.

Ao final da cerimônia, padre Roberto realizou a bênção dedicada aos animais. Pelo terceiro ano consecutivo a santa missa é promovida no dia 03 de outubro, data em que São Francisco faleceu, no ano de 1226. O Santo foi canonizado pouco menos de dois anos depois, pelo Papa Gregório IX.  Pelo mundo, São Francisco é celebrado com festa já na véspera da data dedicada a ele: 04 de outubro.

A participação dos animais na missa dedicada a São Francisco de Assis é realizada desde 2011, e contou com o apoio da Associação Rosariense de Defesa dos Animais (ARDA), que este ano comemora 20 anos de criação. Membros da entidade também participaram da ocasião.

Santa Missa foi dedicada ao protetor da ecologia, São Francisco de Assis. Foto: Renato Moraes / Gazeta de Rosário

Carinho que recompensa

Participante assíduo das missas, o servidor público estadual Leonardo Borlina levou seu cão “Kiko”, da raça Yorkshire, para ser abençoado. Ele leva seus animais desde que a participação dos mesmos foi permitida nas celebrações, em 2011, e declara que junto com a esposa, Viviane, adotaram os cães da rua.

“É uma excelente iniciativa dos padres, tenho doze cães, sendo sete adotados de rua, de raças não definidas, e cinco que já eram nossos. Levo ração no carro e distribuo para os (cães de rua) que vejo que estão com fome. Tem quem fale que temos muitos cães, que gastamos muito com eles, mas só no carinho que eles retribuem já compensa”, declarou Leonardo, em entrevista à Gazeta.

Reportagem: Julio Lemos / Gazeta de Rosário
Foto: Renato Moraes / Gazeta de Rosário

Deixe uma resposta

Top