Solenidade marca aula inaugural do projeto Bombeiros Mirins 2018
Você Está
Início > Notícias > Cidade > Solenidade marca aula inaugural do projeto Bombeiros Mirins 2018

Solenidade marca aula inaugural do projeto Bombeiros Mirins 2018

A noite de terça-feira (8) foi marcada pela solenidade da aula inaugural do Projeto Bombeiros Mirins 2018. A ação é promovida em conjunto pelo Corpo de Bombeiros Militar (CBM), pelotão de Rosário do Sul, em parceria com a Prefeitura Municipal, através de suas Secretarias de Educação e Cultura, e de Assistência Social. O evento, realizado no salão do Centro Empresarial, contou com autoridades civis e militares, parte dos alunos do projeto deste ano, familiares e convidados.

Ao todo, 30 alunos serão atendidos nessa edição. A turma única terá aulas todas as tardes de sábado, com no mínimo dez encontros. Na solenidade de inauguração, a recepção ficou a cargo do 1º Sargento do CBM, Marcio Rodrigo Lopes Teixeira, comandante do Pelotão de Rosário do Sul, e de membros da guarnição. Os alunos do projeto foram conduzidos para o interior do salão do CER pelo instrutor do projeto, soldado Éder Souza Soares.

Na ocasião, uma palestra foi ministrada por Élida Maciel, que representou a secretária de Assistência Social, Catarina Vasconcelos. Ela versou sobre a importância do projeto na vida de cada aluno. Ao final de sua manifestação, Élida recebeu um certificado de participação e um buque de flores entregues pelo Sargento Rodrigo e por um dos alunos do projeto, respectivamente.

Sargento Rodrigo e aluno do projeto com a palestrante Élida Maciel

A prefeita Zilase Rossignollo Cunha (PTB) também se manifestou. Ela destacou a importância do projeto e da participação dos alunos para que possam seguir os ensinamentos, e num futuro próximo venham a integrar as fileiras dos Bombeiros Militares. “Queremos ver vocês adultos, com o concurso de vocês feito, com a profissão feita, trabalhando no Corpo de Bombeiros”, afirmou. Zilase também ressaltou aos alunos que a frequência nos estudos normais nas escolas é essencial.

A aula inaugural teve ainda a presença do Comandante do 10º Batalhão de Bombeiros Militares, Major Max Geraldo Meinke, de Santanta do Livramento; da secretária municipal de Educação e Cultura, Liége Palma; da coordenadora do Centro de Referência em Assistência Social (CRAS), Vanusa Cardoso Severo, do presidente do Lions Club, Moisés Valejos; e do presidente e vice do Rotary Club Rosário do Sul Centro, Roberto Alves e Gilberto Araújo, respectivamente.

Parceria voltada para a prevenção

O Comandante do 10º Batalhão de Bombeiros Militares, Major Max, esteve presente na solenidade de aula inaugural dos Bombeiros Mirins. Ele saudou a todos e parabenizou o Sargento Rodrigo por seu primeiro ato como comandante do destacamento de Rosário do Sul.

O Major também ressaltou a união da equipe para o desenvolvimento do projeto. Além disso, exaltou a parceria com a Prefeitura Municipal. “Esse projeto será tão melhor quanto mais parceiros nós conseguirmos ser, entre Estado e Município, Bombeiros e Prefeitura, no desenvolvimento das atividades”, assinalou.

Comandante do 10º BBM salientou parcerias e importância do projeto

A autoridade destacou que a atividade não é uma brincadeira, embora todos sejam muito jovens. “É uma política institucional voltada para a prevenção de acidentes e incêndio. Nós, bombeiros, temos confiança de que no período vamos aprender muito com vocês. Queremos uma parceria de vocês para o resto da vida”, disse ele, lembrando que a maioria das pessoas não são treinadas para perceberem riscos. “Algumas pessoas convivem com riscos iminentes e não os percebem. Essa atividade é para treinar e perceber riscos, e aí sim agir preventivamente”, concluiu, citando o lema do Projeto Bombeiros Mirins, “Paz, Cidadania, Disciplina e Prevenção”.

Saiba mais

O projeto Bombeiros Mirins, além de ampliar as atividades de prevenção em andamento, tem o papel de contribuir com a sociedade nas políticas públicas e comunitárias de educação preventiva. A ação visa orientar crianças sobre como agir em caso de incêndios, acidentes envolvendo pessoas, passar noções de evasão organizada de local sinistrado e noções de primeiros socorros.

Leia mais notícias da editoria Cidade 

Os bombeiros mirins também são transformados em agentes multiplicadores, irradiadores da consciência de prevenção e preservação para despertar na mentalidade coletiva, bem como desenvolver sentimentos de cidadania.

A seleção dos alunos participantes é feita pela Secretaria de Assistência Social através do CRAS. A matrícula e a frequência escolar são condicionantes obrigatórios para a inclusão e permanência no projeto.

Reportagem e fotos: Julio Lemos / Gazeta de Rosário

Deixe uma resposta

Top