Você Está
Início > Notícias > Destaque > BM prende chilenos que preparavam roubo em Rosário do Sul

BM prende chilenos que preparavam roubo em Rosário do Sul

Um grupo de cinco criminosos chilenos – quatro homens e uma mulher- foram presos pela Brigada Militar em Rosário do Sul na madrugada desta sexta-feira (20), após suspeitas de que eles estariam planejando um roubo no município.

Por volta de 1h11 da madrugada desta sexta-feira, a Brigada Militar frustrou a ação criminosa da quadrilha chilena. Eles pretendiam realizar furtos em lojas e caixas eletrônicos, conforme relatado por um dos integrantes.

A BM já procurava os suspeitos após visualizarem filmagens de vídeo que mostravam os quatro homens em atitude suspeitas nas dependências das lojas do centro da cidade. Com a descrição do carro que usavam e das suas características, a BM passou a realizar averiguações de hotéis que hospedam estrangeiros.

Em um dos hotéis da cidade eles foram encontrados. Também encontraram o carro que eles usavam, um Citroen Berlingo com placas da Argentina, que estava com manchas de barro nas placas para dificultar a visualização das letras e números. No veículo foram localizados vários objetos usados para cometimento de roubo a caixas eletrônicos, entre eles dois vergalhões, luvas de proteção, alavancas de ferro, discos para corte de ferro, além de um rádio transmissor na frequência da Brigada. Eles também tinham dinheiro de vários países como do Peru, Uruguai, Estados Unidos entre outros. Os cinco chilenos, o veículo e os equipamentos foram encaminhados à Polícia Civil.

Leia mais notícias da editoria Polícia

Em virtude de serem estrangeiros, foi necessária a identificação através da Polícia Federal de Santana do Livramento, sendo constatado que dois deles, o casal, havia ingressado ilegalmente no Brasil, sem documento de migração. Os cinco estariam em Rosário do Sul há pelo menos três dias, conhecendo a rotina da cidade e observando estabelecimentos bancários e comércios que possuem caixas eletrônicos.

Alguns dos envolvidos já haviam sido presos em Santana do Livramento em julho deste ano com ferramentas usadas para roubo em caixas eletrônicos. Foi também realizado contato com a Polícia Argentina, os quais informaram que o veículo, embora legalizado, teria sido usado pelos criminosos para um roubo a caixa eletrônico na cidade do Paraná, província argentina de Entre Rios, no mês de setembro deste ano.

Como ainda não havia registros de delitos no Brasil, e sem pedidos de prisão pela INTERPOL, eles não poderiam ser presos, uma vez que portar ferramentas usadas para possíveis roubos não configura crime.

Com o vídeo e fotos dos suspeitos circulando em redes sociais, um mecânico de 57 anos viu as imagens e reconheceu o grupo que havia efetuado furto em sua oficina às 17h de quinta-feira (19), no Distrito Industrial. No momento em que a BM fazia o registro com os presos, o comerciante chegou e reconheceu alguns dos seus pertences, que foram devolvidos. O caso foi registrado como furto qualificado.

A quadrilha foi escoltada até a cidade de Uruguaiana, onde policiais de Passo De Los Libres, Argentina, aguardavam o grupo para efetuar sua prisão pelo roubo ocorrido em Entre Rios.

Fotos: Brigada Militar / Divulgação

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Top