Você Está
Início > Notícias > Brigada Militar recaptura foragidos do presídio de Rosário do Sul

Brigada Militar recaptura foragidos do presídio de Rosário do Sul

Três apenados do albergue do Presídio Estadual de Rosário do Sul (PERS) foram recapturados após terem fugido da instituição, na semana passada. Um deles foi preso poucas horas após a fuga e o outro um dia depois. Um terceiro apenado também fugiu na mesma oportunidade e igualmente foi preso, posteriormente, na mesma semana.

A primeira prisão envolveu um homem de 31 anos, que cumpre pena no regime semiaberto. Na mesma noite da fuga, às 2h30 da madrugada terça-feira (27), uma guarnição avistou um táxi sendo abordado na rua João Brasil, bairro Jardim Paraíso, zona sudoeste da cidade.

O homem alegou que estava de dispensa do albergue, mas após contato com agentes do presídio, os PMs foram informados que ele estava recolhido e deveria estar dormindo. Com essa informação, os agentes penitenciários fizeram conferência de presos, descobrindo a fuga de três apenados. Eles haviam serrado as grades de uma janela para deixar o local.

O apenado recapturado apresentava um ferimento na perna esquerda, que ele afirmou ter acontecido durante a fuga. Ele foi novamente encaminhado ao presídio local após o registro da ocorrência.

O outro apenado foi capturado na manhã de quarta-feira (28). Por volta de 10h30 da manhã, uma guarnição da Brigada visualizou na rua João Brasil, próximo ao túnel de acesso a Vila Nova, o outro fugitivo, homem de 45 anos, que também foi encaminhado ao presídio.

O terceiro apenado também foi recapturado ainda na semana passada, porém não há detalhes sobre a prisão.

Outras duas prisões foram registradas na cidade

A Brigada Militar realizou a prisão de outras duas pessoas em Rosário do Sul na semana passada. No primeiro caso, uma apenada do regime semiaberto, mulher de 27 anos, havia ganho dispensa do presídio de Rosário, mas não retornou na data estipulada, passando a condição de foragida. A prisão ocorreu às 6h30 da manhã de quarta-feira (28), na rua Marechal Floriano Peixoto, bairro Progresso.  Ela foi conduzida a Delegacia de Polícia e posteriormente ao PERS.

Já na quinta-feira (29), às 7h30 da manhã, outra guarnição da Brigada em patrulhamento de rotina avistou na BR 290, um homem de 44 anos, contra quem havia um mandado de prisão expedido pelo poder judiciário. Ele foi preso e encaminhado ao presídio.

O homem havia sido condenado a três anos de prisão por crime relacionado ao estatuto do desarmamento (Lei 10.826/03) ocorrido em 13 de janeiro de 2009. A condenação de prisão foi substituída por duas penas restritivas de direito, sendo uma de cerca de mil horas de prestação de serviços à comunidade, e outra de prestação pecuniária de um salário mínimo nacional. O acusado teria iniciado o cumprimento das penas, mas não teria concluído o serviço comunitário. Por essa razão, o Poder Judiciário decidiu converter a pena para privativa de liberdade. O preso foi recolhido na mesma manhã ao Presídio de Rosário do Sul.

Foto: Brigada Militar / Divulgação

Deixe uma resposta

Top