Você Está
Início > Notícias > Cidade > Acontece a 2ª Feira de Jovens Empreendedores Primeiros Passos

Acontece a 2ª Feira de Jovens Empreendedores Primeiros Passos

Na manhã de quinta-feira (6) alunos das escolas municipais de Rosário do Sul tiveram a oportunidade de expor o que foi desenvolvido ao longo do ano no projeto Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP). O projeto é realizado em parceria pela Secretaria de Educação e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/RS). A atividade aconteceu no Ginásio Ervilhão e contou com a exposição de 54 trabalhos das escolas Professor Leão Warren, Coronel Sabino de Araújo, Barão do Rio Branco, Agrícola, Alice Pando e Aracy Vieira do Amaral.

O objetivo do projeto é levar noções de empreendedorismo às crianças de seis a quatorze anos, conforme explica Laura Ceretta Zamberlan, gestora de projetos do Sebrae. Ao longo do ano, os estudantes aprendem sobre como fazer um plano de negócios, formulação de preços, desenvolvimento de produtos, marketing e divulgação.

Laura ressalta que o JEPP visa mostrar aos jovens que, para ser um empreendedor, não é preciso, necessariamente, abrir um negócio, é possível empreender em casa. “Nosso maior objetivo é plantar essa semente. Para que quando essas crianças saírem do colégio, antes mesmo de escolherem a sua profissão, elas já tenham noções de empreendedorismo”, disse a gestora.

Rosário do Sul foi a primeira cidade da região a aderir o projeto, no ano passado. Atualmente já são dezenove municípios participantes. Laura explica que o Sebrae disponibiliza o material e a metodologia do projeto, além de capacitar os professores para que repassem o conhecimento aos alunos.

A responsável pela coordenação do JEPP na Secretaria de Educação, Ivete Chuma, relata que o objetivo principal do projeto é alcançado ao longo do ano. “É um projeto muito prático, as crianças vivenciam o empreendedorismo, não é só teoria. Além disso, a atividade envolve a participação da família e prepara os jovens pra vida”, salientou Ivete.

Leia mais notícias da editoria Cidade

Um dos trabalhos expostos na feira teve como objetivo a revitalização da biblioteca da escola Leão Warren. Alunos do oitavo ano limparam e organizaram o ambiente, proporcionando um espaço aconchegante para a leitura, e de fácil acesso para quem usa o material, como explica a professora orientadora da atividade, Deise Marques.

Com a ideia de preservar o meio ambiente, os alunos utilizaram materiais recicláveis para organizar o espaço. Caixas de fruta, utilizadas pela merenda, foram pintadas e viraram estantes para os livros. Com sobras de tecido TNT, eles encaparam as cadeiras da biblioteca. Além disso, eles classificaram os livros e confeccionaram placas de identificação. “Com o projeto, eles puderam perceber que eles são empreendedores. Conseguiram criar algo a partir do que eles já tinham e com as parcerias como a escolas e o comércio local”, disse Deise.

Para a aluna Sheron Correia, de 13 anos de idade, o projeto foi muito importante. “Com o projeto, aprendemos muita coisa, como é o empreendedorismo social, por exemplo. E por ter sido com toda a turma, também foi muito divertido”, disse. A estudante Gabriela Oliveira, também de 13 anos, se sente orgulhosa em ver o resultado. “Nós achamos bem crítica a situação da nossa biblioteca e por isso, resolvemos revitalizar. A diretora pintou, nós limpamos, redecoramos. Sinto muito orgulho em ver como ficou”, enfatiza a aluna.

As alunas Sheron e Gabriela com a professore Deise

Reportagem e fotos: Larissa Hummel / Gazeta de Rosário

Deixe uma resposta

Top