Você Está
Início > Notícias > Destaque > Homem mata mulher e depois comete suicídio em Rosário do Sul

Homem mata mulher e depois comete suicídio em Rosário do Sul

Um homem matou sua ex-companheira e depois cometeu suicídio em Rosário do Sul. O crime aconteceu na madrugada deste domingo (20). Eles chegaram a ser encaminhados com sinais vitais ao hospital da cidade, mas não resistiram aos ferimentos e vieram a óbito.

Foto: Julio Lemos / Gazeta de Rosário

O caso, tratado como homicídio doloso e suicídio, foi atendido pela Brigada Militar e pelo Corpo de Bombeiros de Rosário do Sul. Ambos os órgãos foram acionados por volta das 4h50 da madrugada, no bairro Vila Nova. A vítima, de 38 anos, e o homem, de 45, estavam caídos em uma pequena área da casa de um dos familiares da mulher, ainda com sinais vitais. Ela possuía duas perfurações de disparo de arma de fogo no tórax. Já o homem estava com ferimentos nas laterais do crânio e um corte no queixo, próximo ao pescoço. Os dois foram socorridos e encaminhados ao Hospital de Caridade Nossa Senhora Auxiliadora, onde pouco depois foram constatados os óbitos.

A arma usada no crime, um revólver calibre .38, foi apreendida  próximo do corpo do homem, com três munições, sendo uma intacta e duas deflagradas. A reportagem da Gazeta de Rosário esteve no local do crime e apurou com um dos familiares que o casal morava no bairro vizinho, Parque Ibicuí, e que estavam separados há pelo menos quatro meses. O homem não teria aceitado a decisão da mulher.

Durante a madrugada, a vítima, com duas filhas menores, procurou o irmão dela para pernoitarem no local. Pouco depois, o homem teria chegado, exigindo que ela e as crianças fossem para a casa deles, o que não foi aceito. Segundo testemunhas, ele teria disparado pelo menos quatro tiros contra a mulher e fugido de carro, retornando logo após. Percebendo que ela não resistiria, teria cometido o suicídio.

O local do crime seria analisado pelo Instituto Geral de Perícias de Santana do Livramento. Os corpos também foram encaminhados para a perícia. O local e horário do velório e sepultamento ainda não haviam sido definidos. O casal deixa quatro filhos, dois maiores e duas menores de idade. Foi o quarto homicídio cometido em Rosário do Sul em 2017.

Reportagem e fotos: Julio Lemos / Gazeta de Rosário

Atualização: Os nomes da vítima e do ex-companheiro foram retirados da notícia para preservar os filhos do casal, conforme orienta o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Deixe uma resposta

Top