Você Está
Início > Notícias > Destaque > Jogo beneficente arrecada mais de 600 brinquedos

Jogo beneficente arrecada mais de 600 brinquedos

No dia 22 de dezembro, aconteceu a 19ª edição do projeto PSG Faça uma Criança Sorrir, o qual realiza jogos beneficentes. No total, foram arrecadados 655 brinquedos e entregues para crianças carentes. O evento futebolístico envolveu jogos amistosos com a participação de jogadores rosarienses residentes em outros municípios e convidados, além da presença de um grande público.

Foi um dia de filantropia em que o ingresso era um brinquedo novo ou usado. Toda a arrecadação foi dividida e doada para os bairros Graciano Argemi e Ana Luiza. Júlio César Cardoso entregou os presentes vestido de Papai Noel.

O evento leva as iniciais dos criadores, Paulo César Teda, Santaiana Larrauri e Giovane Lopes. Contou com a participação do programa Arquibancada e das lojas Quero-Quero. Houve o sorteio de camisas oficiais de clubes de futebol e ainda de um celular doado pela Quero-Quero.

Ao todo foram cinco partidas envolvendo as escolinhas Gol de Placa e Associação Rosário de Esportes (ARE), equipes Sub 15 da ARE e Escolinha do São Gabriel. Além disso, também ocorreram os jogos de times adultos do J.A. Esportes, Amigos de Gerciel e Amigos do 4º RCC. O jogo das estrelas, com a participação de Ricardinho Acosta, jogador do Ceará, teve vitória dos Amigos do Programa Arquibancada por 3 a 2 no time dos Amigos do PC.

Leia mais notícias da editoria Esporte

Referência no futebol brasileiro, o jogador Ricardinho, participou mais uma vez do evento. “Estou feliz por rever os amigos ainda mais por uma causa nobre, fazer uma criança feliz no Natal, como diz o projeto. Além disso, é importante a interação com a população quem participa”, disse.

Um dos criadores do projeto Paulo Cesar Leal “Teda”, falou sobre o projeto e fez agradecimentos. “Um momento abençoado, pois tivemos uma semana de chuva, e no dia do evento fez um lindo dia. Gostaria de agradecer à comunidade e aos atletas que participaram, sem eles nada disso seria possível”, disse.

Paulo Cesar Teda e Ricardinho no 19º PSG

O ex-atleta profissional da antiga ARF e militar do Exército, Larry Leal, lembrou do início do projeto. “Para nós é gratificante o trabalho. Ele nasceu em 1999 numa partida de futevôlei na praia, ele já nasceu grande”, assinalou Leal.

O jogador profissional Dionatan Garcia “Nenê”, que atua no Inter SM, também falou com a reportagem da Gazeta. “O projeto é muito importante, pois consegue arrecadar presentes de natal para as crianças mais necessitadas. Parabenizo os organizadores do projeto, quanto mais gente apoiar melhor, coisa linda de se ver!”, concluiu Dionatan.

Reportagem: Julio Lemos / Gazeta de Rosário

Deixe uma resposta

Top