Você Está
Início > Notícias > Motorista é preso por embriaguez após acidente na Ponte Marechal José de Abreu

Motorista é preso por embriaguez após acidente na Ponte Marechal José de Abreu

Na noite deste domingo (9), a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o Samu e o Corpo de Bombeiros atenderam a uma colisão frontal na Ponte Marechal José de Abreu, BR 290, em Rosário do Sul. O acidente deixou três feridos e um dos motoristas foi preso por embriaguez ao volante, conduzir veículo sem habilitação e gerar perigo de dano.

Conforme a PRF, às 18h43, a equipe foi acionada e compareceu no Km 479 para atender a um acidente de trânsito. No local os policiais constataram que o motorista, rosariense de 41 anos, dirigia um Ford Escort com placas de Rosário do Sul e invadiu a contramão da direção colidindo frontalmente em um Fiat Pálio com placas de Silveira Martins/RS. No carro atingido estavam três pessoas que ficaram com ferimentos leves e foram conduzidas ao HCNSA pelos Bombeiros e Samu. No carro havia um homem de 33 anos, um menino de oito e o terceiro ferido não teve os dados divulgados. Após atendimento, foram liberados.

Leia mais notícias da editoria Polícia

O condutor do veículo Ford/Escort não se lesionou e foi submetido ao teste do etilômetro que resultou em 1.33 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões, que é mais de quatro vezes o índice mínimo necessário para ser considerado crime (que é de 0,33mg/l). O rosariense não possuía habilitação para dirigir veículo automotor em via pública, sendo preso em flagrante e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil pelos crimes de embriaguez ao volante; dirigir veículo automotor em via pública gerando perigo de dano; e praticar lesão corporal culposa na direção de veículo automotor. O veículo removido pelo guincho ao pátio do Detran.

O trânsito foi interrompido para o atendimento dos feridos e também para a retirada dos veículos, tendo ficado em meia pista.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Top