Você Está
Início > Notícias > Cidade > Rosário do Sul perde o atleta Alessandro Santos, conhecido como Carioca

Rosário do Sul perde o atleta Alessandro Santos, conhecido como Carioca

Faleceu precocemente, no último sábado (3), em Santa Maria, o atleta e funcionário estadual Alessandro da Silva Santos, mais conhecido em Rosário do Sul como “Carioca”, aos 47 anos. Ele lutava contra um câncer há dois anos.

O falecimento de Carioca entristeceu familiares, amigos e a comunidade rosariense onde estabeleceu residência e fez muitas amizades tanto no meio profissional, social e desportivo. Era atuante no futebol da cidade, tendo conquistado vários títulos do futebol amador local e regional bem como passagens pela equipe da AABB em torneios da entidade, além de clubes de outras cidades.

Alessandro teve passagens pela Associação Atlética Banco do Brasil, onde disputou o Citadino de Veteranos e foi campeão pela última vez pela categoria 35 anos em 2017, sendo o capitão da equipe. No mesmo citadino teve passagens pelo Ferroviário, Sacolão, J.A. Esportes, Brigada, Bambas e Arrozeira.  O zagueiro atuou também nos Jogos da AABB, da qual também era associado, pelo minicampo representando Rosário do Sul. Com os colegas de Rosário também conquistou títulos na região pelo Clube Atlético Dores em Santa Maria e pelo Nacional em Alegrete.  Na maioria dos times que jogou Carioca, era o capitão devido a sua disciplina e camaradagem além da visão de jogo que tinha.

Leia mais notícias da editoria Cidade

A direção da AABB expressou condolências aos familiares pela perda. Diversos atletas com os quais Carioca jogava também lamentaram seu passamento através de mensagens em redes sociais, deixando força e carinho a seus familiares.

A Inspetoria de Defesa Agropecuária, através de seus funcionários lamentaram também a precoce perda de Alessandro. “O colega Alessandro prestou relevantes serviços à Secretaria da Agricultura durante os 14 anos de atuação. Pessoa de bom relacionamento, bom caráter, amante da família, do samba e do Flamengo”, diz a nota.

Alessandro era natural do Rio de Janeiro, era casado e pai de dois filhos. Por meio de nota a família informou que não haveria velório, pois o corpo de Alessandro seria transladado para a cidade de Santa Rosa, onde ocorreria a cremação no crematório Dom José. A missa em memória a Alessandro ocorrerá no próximo sábado (10), às 18h30, na Igreja Matriz Nossa Senhora do Rosário em Rosário do Sul.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Top