Você Está
Início > Notícias > Cidade > Temporal destelha casas e deixa 1,9 mil clientes sem energia elétrica em Rosário do Sul

Temporal destelha casas e deixa 1,9 mil clientes sem energia elétrica em Rosário do Sul

Pelo menos quatro residências foram danificadas pelo temporal em Rosário do Sul neste terça-feira (8). Conforme a Defesa Civil, foi prestado atendimento e realizado a entrega de lonas para cobrir os imóveis. Os fortes ventos e a chuva também ocasionaram falta de energia elétrica no município. Segundo a RGE Sul, em torno de 1,9 mil clientes foram atingidos. A concessionária trabalhava no restabelecimento do serviço.

A população de Rosário do Sul foi surpreendida na madrugada dessa terça-feira (08) por fortes ventos acompanhados de chuva no município. Segundo a estação meteorológica Clima Rosul, as rajadas chegaram a mais de 64 km/h. Ainda conforme o Clima Rosul, localizado na zona sul da cidade, o ápice do temporal aconteceu por volta das 2h30 da madrugada desta terça-feira. A velocidade média do vento ficou em torno de 48 km/h.

De acordo com o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), que possui estação hidrológica na Ponte do Rio Ibicuí da Armada, até às 10h da manhã, havia chovido cerca de 20 milímetros.

O Corpo de Bombeiros foi acionado para atender ocorrências de quedas de árvores em vias públicas no centro da cidade, sendo duas na Rua João Brasil e uma na Rua Barão do Rio Branco. Em dois locais, garagens de imóveis foram danificadas pelo temporal: em uma residência da Rua Independência, pela queda de uma árvore, e na Delegacia de Polícia do município, devido às rajadas de vento.

De acordo com o Clima Tempo, a partir de quinta-feira (10) a ventania pode se repetir e a chuva retornar ao estado no final de semana. A temperatura deve se manter amena nos próximos dias. Em Rosário do Sul, podem chover até 44 milímetros no sábado (12). Na quinta, sexta e no domingo também deve haver precipitação, com índices de 5mm, 35mm e 18mm, respectivamente. Os ventos devem se manter em uma média de 20 km/h.

Ventos em São Gabriel ultrapassaram os 100 km/h

Segundo o Clima Tempo, o temporal foi causado pela formação de uma frente fria e de um ciclone extratropical que espalhou nuvens carregadas sobre o Sul do Brasil. Na próxima quarta-feira (9) o ciclone já deverá ter se afastado para o oceano e deve diminuir a intensidade dos ventos na região.

Na Fronteira Oeste, os municípios mais atingidos foram Quaraí, Santana do Livramento, Caçapava do Sul e São Gabriel. Neste último, de acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia, as rajadas chegaram a 106 km/h durante a madrugada.

Já no Vale do Caí, um motociclista morreu após bater o veículo em galhos de árvore que estavam no meio da rodovia e ser atropelado por um caminhão. O acidente aconteceu no km 27 da ERS-240, em Capela de Santana, conforme noticiou o G1.

O site de notícias também informou que mais de 110 mil pessoas chegaram a ficar sem luz em todo o Rio Grande do Sul devido ao temporal.

Garagem da Delegacia de Polícia de Rosário do Sul foi destelhada pelo vento. Foto: Julio Lemos / Gazeta de Rosário
Reportagem: Rhayza Moreira / Gazeta de Rosário
Fotos: Rhayza Moreira, Caroline Motta e Julio Lemos / Gazeta de Rosário

Deixe uma resposta

Top