Você Está
Início > Notícias > Geral > Escritora lança livro com análise da obra de Luiz Antonio de Assis Brasil

Escritora lança livro com análise da obra de Luiz Antonio de Assis Brasil

No último sábado (4), a escritora e professora Débora Mutter realizou a sessão de autógrafos da obra “Um romancista ao Sul: a ficção de Luiz Antonio de Assis Brasil” (Editora Besouro Box), durante a Feira do Livro de Porto Alegre. O ensaio aborda o trabalho de um dos maiores escritores gaúchos, sob o olhar da autora Mutter, que possui estreitos laços com o município de Rosário do Sul, terra natal de seu marido, Claro Antônio de Almeida Motta.

Débora Mutter com o escritor Assis Brasil. Foto: Solange Brum / Divulgação

Na ocasião, os presentes assistiram um debate ministrado pelas também professoras Márcia Ivana de Lima e Silva e Maria Alice da Silva Braga, com a presença da autora e do próprio Assis Brasil. “Um escritor está sempre se surpreendendo com tudo o que lhe acontece e, em especial, com o que acontece à sua obra. É com esse espírito que vejo, concretizado em livro, um estudo acurado, sóbrio e inteligente acerca de alguns romances que me são muito caros”, declara o escritor gaúcho. A publicação faz uma análise sobre cinco obras do romancista.

Natural de Uruguaiana, a autora é mestre em Literatura Comparada e doutora em Literatura Brasileira e Sul-africana pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs), além de docente em Letras na graduação e na pós-graduação da Universidade Luterana do Brasil (Ulbra).

O desafio da escrita e a relação com o pampa

Em entrevista à Gazeta de Rosário, Débora Mutter faz um paralelo de seu encantamento pela obra do autor, com sua relação com o interior do estado, principalmente com Uruguaiana e Rosário do Sul. Segundo a autora, um dos aspectos que a fez escolher Assis Brasil como objeto de estudo foram os conflitos vividos por suas personagens. “Ao tratar de questões universais e humanas num lugar que nos diz respeito surge uma empatia natural. É possível que esse fator me tenha estimulado a pesquisar suas virtudes literárias”, analisou ela.

“Talvez esteja aí um fator que atuou e atua sobre o meu inconsciente, pois admito que minha relação com o campo é visceral. Mesmo sendo atualmente um ser urbano, minhas origens, a base mais elementar da minha formação cultural está ligada à campanha ou ao Pampa, como adota Assis Brasil”, completou.

Mutter também é autora do livro “A poética da perseguição em Julio Cortázar e Clarice Lispector” (2009) e organizadora da obra crítica “Cem anos sem Machado de Assis” (2008), ambos dedicados à crítica literária. Além de professora e pesquisadora, é funcionária pública estadual na área da Cultura. Foi diretora do Museu Antropológico do RS, do Arquivo Histórico do RS e do Memorial do RS, onde atualmente trabalha com projetos culturais.

Este slideshow necessita de JavaScript.

PALESTRA – Débora Mutter estará em Santa Maria nesta quinta-feira (9), em uma mesa redonda que debaterá o tema “Letras e Mediação Cultural”. O evento faz parte da XXV Semana de Letras da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e ocorrerá no Centro de Educação do Campus Universitário, no bairro Camobi. A mesa está programada para acontecer das 19h30min às 21h30min, no Auditório do Prédio 74C.

Reportagem: Caroline Motta / Gazeta de Rosário
Fotos: Solange Brum / Divulgação

Deixe uma resposta

Top